6 dicas para reformar a casa sem gastar muito

casal desenhando como ficará a casa após reforma

Conteúdo

1. Planejamento
2. Limite de gastos
3. Reutilizar o que iria para o lixo
5. Escolha dos materiais


Ter uma casa arrumadinha e que agrade visualmente é tudo de bom, trazer segurança e bem-estar à família, ainda mais quando vai chegando o fim de ano, acontece que nem sempre é barato para fazer reformas em casa.


Em consequência da pandemia, onde passamos a dispor mais tempo em casa, passamos a reparar mais nos nossos próprios cômodos. Pensando assim, nesse post você vai encontrar 6 dicas de como reformar a casa sem gastar muito e como isso economizar dinheiro.






1. Planejamento 

foto de mão escolhendo as cores para a reforma da casa

É preciso definir o que será reformado e qual o resultado final você quer, assim é possível traçar por onde começar e quais os próximos passos, é o chamado cronograma da reforma. Não compensa pintar a parede se depois você resolve derruba-la para abrir mais espaço por exemplo. É pela falta de planejamento que muitas reformas começam e parecem nunca acabar, mas o dinheiro nessa vai embora rapidinho.


Dividindo a reforma em etapas, ajuda a economizar bastante grana. Dessa forma você consegue controlar quanto será gasto em cada etapa, conforme o tanto de dinheiro que tem disponível e deixar uma reserva, pois em reformas, é bem frequente acontecerem imprevistos e com isso precisar gastar mais tempo e dinheiro do que o esperado.



2. Limite de gastos 

mulher desenhando no ar como ficará a reforma da casa

Essa dica é essencial para economizar na reforma da casa, definir qual será seu limite de gastos, antes de iniciar a obra, antes mesmo de comprar materiais ou pesquisar a mão de obra. Para saber qual é esse limite é importante analisar seu orçamento e depois de ver suas despesas fixas, analisar quanto sobra. Estude fazer renda extra e possíveis cortes de gastos enquanto a reforma perdurar.



3. Reutilizar o que iria para o lixo

mulher pintando uma cadeira velha

Antes de sair comprando tudo novo, preste atenção no que você tem em casa e que pode ganhar uma nova cara. Aquela cômoda que você descartaria pode ganhar outro ar com uma tinta spray amarela; caixas de feiras pregadas na parede servem como ótimas caixas organizadoras; o vaso de plantas quebrado pode integrar uma decoração mais rústica; as tábuas de madeiras achadas provenientes de resto de construção, depois de pintadas podem virar uma ótima cobertura na sua área de lazer e por aí vai, existem muitos vídeos no YouTube ensinando a reaproveitar e fazer da sua casa um novo ambiente.


Manter a limpeza também é bem importante para evitar desperdício de materiais ou prejudicar móveis.



4. Profissionais de confiança

Operário de construção civil

É muito comum contratar profissionais que depois dão o calote e com isso você acaba tendo que gastar com um novo profissional para terminar o que já começou. Não escolha o profissional mais barato sem saber de suas referências, reforma não é algo tão simples como parece.


Outra sugestão para economizar na reforma da casa, é colocar os próprios familiares para trabalhar; agora é o momento de chamar os conhecidos, os amigos, todo mundo para te ajudar. Se a reforma for itens mais simples, só com essas pessoas pegando firme nos finais de semana você já consegue o resultado desejado.



5. Escolha dos materiais

vários materiais de construção, tijolos, escada, cimento e madeira

Seguindo a dica 3 aproveite o que der para aproveitar. Já para os materiais que você precisará comprar novo, para economizar dê preferência aos materiais de qualidade. É uma enganação querer comprar materiais mais em conta, pois no final o barato sai caro. Imagine comprar uma tinta baratinha que depois irá descascar, ou a parede da área da garagem desmoronando porque o cimento era fraco.



6. Adesivos/Papel de parede

mulher colando papel de parede e adesivo na parede

Ao invés de fazer aquela sujeira pintando as paredes, os adesivos e papéis de parede são ótimas alternativas. O mais legal é que por vezes só eles já mudam muito o ambiente, seja dando impressão de que é maior, escondendo a parede mofada ou para trazer um ar mais lúdico no quarto das crianças, enfim.


Depois de tantas dicas de como economizar na reforma da casa, certeza que a sua será mais tranquila, sustentável, econômica e ágil.


E aí, gostou desse conteúdo?


Continue acompanhando o Se Torne Investidor para mais dicas sobre finanças!




0/Deixe seu comentário

Agradecemos sua mensagem!

Em breve responderemos! 😉