Mesmo em queda, o Bitcoin é um bom investimento?


Mês de maio foi arrasador para as criptomoedas, principalmente para o Bitcoin que caiu 42,5% devido várias notícias que foram repercutidas no mercado de criptomoedas, mas mesmo com esta queda impressionante, o Bitcoin pode ser um bom investimento?

bomba explodindo e moeda do bitcoin derretendo

Muitos investidores parecem gostar do efeito manada.


Este efeito faz com que muitos investidores só entrem em momentos de alta ou quando todo mundo está escolhendo investimento X e quando algo dá errado e o investimento começa a cair, são os primeiros a sair no prejuízo porque só percebem que entraram em uma furada quando o investimento começa a entrar em um ciclo de queda infinita.


Geralmente sempre entram no preço mais alto e saem no preço mais baixo, desta forma é impossível ter retornos positivos!


Com o Bitcoin aconteceu algo semelhante, depois que o Bitcoin começou a subir fortemente em Outubro de 2020, milhões de investidores começaram a investir em Bitcoins e outras criptomoedas, mas parece que agora que começou a cair e saiu dos seus R$ 360 mil e foi para R$ 180 mil muitos investidores começaram a ter medo de investir em Bitcoins.


Neste momentos de queda o maior questionamento que o investidor tem é o de saber se é a hora certa para comprar mais ou é a hora de sair de vez e esperar um novo ciclo de alta voltar.


Por isto neste artigo, vamos entender o que é o Bitcoin de fato e baseado nestas informações concluir se o Bitcoin é um bom investimento, mesmo em momentos de queda forte.

Leia também: 

3 pensamentos bobos que te impedem de investir melhor

3 investimentos com menos de R$100, como investir com pouco dinheiro?




O que é o Bitcoin (BTC)

algumas moedas de bitcoin

Antes de investir em qualquer tipo de ativo, é crucial entender o seu funcionamento primeiro, por experiência própria, quando entendia de fato como um investimento funcionava, conseguia tentar prever como ele reagiria em diferentes cenários econômicos.

 

Dificilmente você terá controle de algo que não conhece bem!



Então bora lá, o Bitcoin é uma moeda 100% digital, descentralizada e de aplicação mundial. 


Seu nome é a junção de bit - a unidade de informação dos computadores - e coin, que é moeda em inglês. 


Como moeda digital, o Bitcoin opera de forma muito diferente das moedas tradicionais, como o real ou o dólar americano: não tem banco central e não é administrado por ninguém. Pelo contrário, graças à tecnologia blockchain, o Bitcoin é suportado por uma rede global de computadores interconectados (chamados de nós), que são pagos em Bitcoin.


Essa recompensa é ajustada de forma a sempre manter a rede interessante para essas pessoas, e assim o Bitcoin nunca para. Como veremos, é esse mecanismo descentralizado que garante a segurança das transações e torna o Bitcoin tão inovador.


Abra sua conta gratuita na Coinext para comprar Bitcoin e outras criptomoedas!


Como o Bitcoin funciona

bitcoins no fundo de um gráfico

Conforme mencionado anteriormente, o Bitcoin é uma moeda que faz parte de um sistema financeiro descentralizado, ou seja, não existe uma instituição ou pessoa responsável pela fiscalização. 

Embora soe estranho, como algo "incontrolável", o Bitcoin possui tecnologia de criptografia de última geração e roda com um código complexo e único, sem a possibilidade de ser adulterado.


Então o Bitcoin é uma espécie de moeda digital armazenada em uma carteira digital, pode ser em um ambiente online, ou pode ser instalada em um computador ou telefone celular. 


Possui uma rede própria na qual são conduzidas todas as negociações, que é o famoso blockchain. O blockchain é usado como um grande banco de dados no qual todas as transações que ocorrem entre os investidores de Bitcoin são registradas. 


Essas transações são protegidas por criptografia, ocorrem anonimamente e são quase impossíveis de interferir


Embora a transação seja conduzida de forma anônima, o valor e a quantidade da moeda da transação serão exibidos no livro de pedidos e você consegue acompanhar como estão as negociações no mercado.


Além de se registrar no blockchain, cada transação Bitcoin também emitirá um código que precisa ser verificado pelos mineradores de Bitcoin. Um mineiro é uma pessoa responsável pela emissão de bitcoins por meio de um computador ou máquina específica.


Preparei um vídeo completo sobre o assunto caso esteja com alguma dúvida de como funciona o Bitcoin:



O Bitcoin é seguro?

bitcoins envolvidos em correntes

O que muitas pessoas não sabem é que é quase impossível hackear o Bitcoin devido a certas razões específicas que tornam a moeda extremamente segura. 


O Bitcoin faz parte de um sistema descentralizado, o que significa que seu código-fonte é compartilhado com todos os servidores que executam o blockchain, e não apenas um. 


Em outras palavras, cada um desses servidores possui uma parte de seu blockchain. 


Para quem quiser hackear o blockchain, ele deve ter pelo menos 51% do domínio do servidor, ou seja, mais da metade de todos os computadores no mundo que rodam o programa.


Desde seu estabelecimento, nunca houve qualquer registro de tentativas bem-sucedidas de invadir o blockchain do Bitcoin. Além disso, a moeda possui o sistema de criptografia mais completo, igual ao sistema de criptografia usado pelos agentes secretos do governo dos Estados Unidos.


Vantagens do Bitcoin


São inúmeras as vantagens do Bitcoin, mas vou destacar as principais:

  • Preços da transação são muitos menores
Como não existe nenhum intermediário do processo além da própria rede de Bitcoins, os valores cobrados são muito menores do que os valores praticados por bancos e outras instituições tradicionais. 


  • O Bitcoin não depende de nenhuma instituição ou governo (antigovernos)
Por ser uma rede de usuários mundiais, o Bitcoin não fica associado a nenhuma empresa ou governo. Uma transação nunca pode ser interrompida ou congelado e seus bens ficam acessíveis de qualquer lugar do mundo, sempre.


  • Privacidade total
Um pagamento com Bitcoins não depende de dados do seu cartão de crédito ou dados pessoais, que são possíveis de serem perdidos, roubados ou utilizados para transações não autorizadas. Para se utilizar o Bitcoin, é necessário apenas um endereço público do comprador e do vendedor. Com esse endereço, nenhuma pessoa é capaz de acessar a sua carteira.


  • Não Inflacionária
Diferentemente das moedas tradicionais, o Bitcoin é emitido em uma taxa fixa e decrescente. Isso quer dizer que a quantidade de Bitcoins disponível é limitada e podemos prever quando ela vai parar de ser emitida. Com isso o valor da moeda tem a tendência de valorizar ao longo do tempo, como um recurso escasso e muito demandado.


  • Não confiscável
Sua carteira de Bitcoins fica segura e acessível somente através de uma chave privada de acesso. Isso garante que nenhum banco vai poder cobrar taxas de serviço, ou que nenhum governo pode confiscar os seus bens. Somente você pode retirar Bitcoin de sua carteira.


  • Velocidade em transações internacionais e de grandes volumes
Enviar uma grande remessa de dinheiro para o exterior normalmente demora um longo período e ainda é extremamente taxado. O Bitcoin soluciona esse problema, enviando dinheiro para qualquer lugar do mundo de forma tão fácil quanto o envio de um e-mail.


Bitcoin é um investimento Antifrágil 

bitcoin sendo colocado no bolso

A palavra antifrágil é o oposto de frágil. Por isso, representa algo forte e resistente, difícil de quebrar. Porém, o significado de antifrágil vai além da resistência


Um objeto — ou investimento — antifrágil é aquele que se beneficia do caos.


Ou seja: ele fica melhor do que era, porque é capaz de se adaptar e se transformar. 


Não basta, portanto, ser forte e resistente: é necessário crescer com as adversidades.


O Bitcoin pode ser considerado um investimento Antifrágil por vários motivos, mas os principais são:


  • Nasceu em uma crise e se adapta bem a grandes crises
O Bitcoin nasceu como uma solução a crise de 2008 quando muitos investidores estavam incertos sobre a economia mundial e quando a crise mostrou as fragilidades das grandes instituições financeiras e governos.

Ter um sistema que não depende de governos e intermediários é a solução para um mundo digital e conectado onde todos têm a liberdade de ser dono do seu próprio dinheiro e nenhuma canetada afetar este futuro


  • Totalmente adaptável
Muitos acham que outras criptomoedas podem afetar o Bitcoin, mas esta não é uma verdade, o Bitcoin é uma rede que se adapta e "aprende" com a evolução e soluções que outras criptomoedas desenvolvem, ou seja, tudo que irá aperfeiçoar a rede como solução a um problema futuro ou que melhore o processo, rapidamente é absorvida pela rede do Bitcoin e com isto faz dele mais forte e seguro a cada novo processo.


  • Ouro Digital
Conhecido como ouro digital o Bitcoin se assemelha muito com o investimento em ouro e metais preciosos que são conhecidos como Reserva de Valor.


Investir em Reserva de Valor nada mais é que, colocar uma parte do seu dinheiro em metais preciosos, para proteger este dinheiro da desvalorização monetária do seu país.


O ouro e a prata são exemplos de reserva de valor, quando você tem uma parte do dinheiro em ouro ou prata, caso aconteça algo com a economia e o real e o dólar percam seu valor econômico, você terá uma parte do dinheiro em metais preciosos que possuem valor econômico e podem ser vendidos.


Ouro e prata sempre terão valor econômico e sempre poderão ser transformados em dinheiro, imagine:


"Se você tivesse uma máquina do tempo e voltasse 1.000 anos atrás ou fosse 1.000 anos a frente, que tipo de dinheiro levaria? Será que Dólares eram aceitos pelos Romanos? Ou Reais serão aceitos por civilizações robóticas? "kkkk


Tenha certeza de algo, se levar ouro contigo, independentemente da época ele será valioso e poderá ser utilizado em negociações!

barras de ouro

O ouro é valioso porque tem várias utilidades industriais e já foi provado como ótimo ornamento, além de servir para milhares de coisas.


Como ele é muito versátil e serve para muitas coisas, existe muita procura por ouro, porém a um problema e este problema faz com que ele se torne cada vez mais valioso: 


"Ouro é escasso, ou seja não é possível fabricá-lo, apenas extraí-lo da natureza e uma hora não haverá o suficiente, por isso o preço só aumentará com o passar do tempo!"


Já o dinheiro não, o dinheiro pode ser produzido e pode se desvalorizar porque está atrelado a economia e governo de um país.


Por isto, ter uma reserva de valor é importante e o Bitcoin está se mostrando muito similar a uma reserva de valor. 


Porque o Bitcoin é escasso ou seja não pode ser fabricado, apenas extraído, a extração ou conhecida como mineração de Bitcoins, é feita por meio de resolução de grandes problemas matemáticos na rede e a resolução destes problemas revelam os Bitcoins escondidos na rede.


Quando o Bitcoin foi programado foi definida uma limitação de extração e uma quantidade total, só serão descobertos 21 milhões de Bitcoins e o último Bitcoin será extraído em 2140.


Esta programação está na fonte do Bitcoin e não pode ser alterada, por este motivo há está escassez.


Como o Bitcoin não tem vínculo com nenhum governo, é escasso, pode se beneficiar em grandes crises econômicas por ser procurado como meio de troca, então podem dizer que ele pode ser utilizado como um tipo de Reserva de Valor, mas só falta uma coisa para ele ser considerado uma reserva de valor: o tempo!


Uma reserva de valor não pode ser vencida pelo tempo, ou seja, mesmo que se passe anos, décadas, séculos e milênios ela precisa ter valor econômico e o ouro mostrou esta característica.


Para o Bitcoin falta isto, ele ainda é novo, venceu a primeira década mas só os anos dirão se ele vai vencer o tempo!


Bitcoin como investimento

bitcoin em cima de um celular com um gráfico

Ao escolher a opção de ter parte do seu dinheiro em Bitcoins, você se expõem a um mercado global e fora de qualquer vínculo com o governo, ou seja, seu dinheiro está protegido de canetadas e problemas com economias. 



Além também, de ter a liberdade de trocar estes Bitcoins por qualquer moeda a hora que quiser.


Se caso tiver alguma crise econômica este dinheiro aplicado em Bitcoin não sofrerá  com a crise, sendo assim é uma parte dos investimentos que precisa ser levada em consideração!


Mas não é porque ele tem todas estas características que você apenas investirá em Bitcoins!


O Bitcoin é um investimento de altíssimo risco, porque sofre muitas variações do mercado, ou seja possuí uma alta volatilidade.


Por este motivo, invista pouco, o ideal é de 1% a 5% do total que você tem para investir, esta é uma forma segura de investir e se expor a este mercado incrível.


Com apenas R$25,00 você já consegue comprar Bitcoins na Coinext.


E esta queda, é boa?

A queda recente que o Bitcoin teve foi muito por causa das notícias e especulações, não ouve nenhum acontecimento que afetou a rede Blockchain ou o Bitcoin em si, sendo assim, os fundamentos do Bitcoin continuam inalterados.


Para os investidores a longo prazo, pode ser uma boa alternativa de montar posições e reduzir o preço médio, mas nada garante que despenque mais o preço!


Mas tenha sempre em mente o porquê de estar investindo em Bitcoins, este motivo vai definir se você vai continuar investindo ou não.


Para o investidor a curto prazo, ou seja, quem faz Day Trade e operações de curto prazo, pode ser um momento arriscado, por não ter dado indícios de retomada da alta e por não saber se vai continuar caindo, mas mesmo assim, para os que tem uma boa estratégia, pode ser momentos para bons ganhos.


Quer entender mais sobre este cenário e o que fazer neste momento com seus Bitcoins?


Assista este vídeo:




Espero ter ajudado,



Continue acompanhando o Se Torne Investidor para mais dicas sobre finanças!



Leia também: 

O que é Bitcoin? Entenda como funciona essa criptomoeda e seu ecossistema

3 investimentos com menos de R$100, como investir com pouco dinheiro?


0/Deixe seu comentário

Agradecemos sua mensagem!

Em breve responderemos! 😉